• Carlos Guglielmeli

Comandante Geral desmente paralisação das polícias “áudios são fraudulentos”


O coronel Divino Alves Oliveira, comandante-geral da Polícia Militar de Goiás desmentiu boatos que correm nas redes sociais sobre uma suposta paralisação das polícias militar, civil no estado.

Os áudios que viralizaram no WhatsApp causaram insegurança na manhã desta quinta-feira (16/2).

De forma veemente o coronel respondeu à altura, transmitindo mensagens de voz pelo aplicativo de rede social. O Cel. Divino repudiou o que chamou de “mentiras fraudulentas divulgadas por pessoas mal-intencionadas”.

“Não existe a menor possibilidade de tal fato acontecer em nosso estado. A Polícia Militar está nas ruas, realizando policiamento ostensivo preventivo. Mais uma vez reafirmo: estão a veicular áudios que nem do estado são, que foram veiculados em Minas Gerais como se fossem de policiais goianos, não são”, rebateu.

Em Goiás os policiais receberam em 2016 12,33% de reajuste, estão com os salários em dia, receberam armamento em outubro passado e em janeiro e estão vendo toda a frota de veículos sendo renovada.

Ao final da gravação, o comandante-geral pede que a população não acredite em tais informações e que tenham tranquilidade para confiar na polícia, pois a realidade goiana é outra.


Publicidade

1/2
Mortos X Curados.png
Precisa explicar?
Curta nossa Fampage.png