• Carlos Guglielmeli

No Líbano, Marconi é citado como líder nacional e possível candidato a presidente do Brasil


Na busca de novos investimentos para o estado de Goiás, o governador Marconi Perillo participou de um seminário de negócios com mais de 100 autoridades políticas e executivos de grandes corporações libanesas em Beirute / Líbano.

Durante o encontro, Marconi foi mencionado como líder de uma das economias brasileira mais robusta e possível candidato a presidente do Brasil nas eleições de 2018.

Segundo os libaneses, as medidas econômicas e fiscais adotadas pelo governador para impedir que os efeitos da crise nacional contaminem as finanças estaduais o credenciam para liderar o país.

Indagado por jornalistas sobre essa possibilidade, o governador disse ficar honrado pela menção, mas afirmou estar focada na administração do estado para garantir a melhoria dos serviços públicos e acelerar o crescimento da economia goiana.

De volta ao tema de sua viagem, o governador afirmou que Goiás quer ampliar sua parceria econômica e cultural com o Líbano, por meio de investimentos e intercâmbio comercial que promovam o desenvolvimento dos dois países. Marconi citou os números do crescimento econômico do Estado, e afirmou que sua administração é aberta e estimula os investimentos estrangeiros.

Ao avaliar a missão comercial goiana no Oriente Médio, Perillo disse que volta ao Brasil com a certeza de que Líbano, Arábia Saudita e Emirados Árabes Unidos passam a ver o estado como ótima oportunidade para negócios e intercâmbio acadêmico, científico-tecnológico e cultural.


Publicidade

1/3
Roleta Russa 2.png
Precisa explicar?