• Carlos Guglielmeli

Ministro Edson Fachin retira o sigilo das delações de João Santana e Mônica Moura


Ministro Edson Fachin retira o sigilo das delações de João Santana e Mônica Moura

A delação dos marqueteiros, responsáveis pelas ultimas campanhas presidenciais do PT, reveladas nessa quinta-feira, 11/05, mais uma vez traz os ex-presidentes Lula e Dilma para o centro do esquema de corrupção na Petrobras.

Mônica Moura revelou uma estratégia de comunicação elaborada entre ela e Dilma para tratarem de pagamentos e monitorarem a Operação Lava Jato, que na época se aproximava dos marqueteiros.

Os diálogos entre a ex-presidente eram feitos por um e-mail fictício que ambas tinham a senha e se comunicavam metaforicamente, apenas gravando rascunhos de mensagens, sem envia-las para não deixar rastros.

João Santana, entre outras coisas, revelou tratativas de pagamentos ilícitos com Palocci, que segundo ele, sempre aguardavam o aval do chefe (Lula), para serem colocados em prática. Num determinado momento, Santana relatou conversas diretas com o ex-presidente.

As delações, para que sejam relevantes nas regressões precisam ser acompanhadas de provas ou indícios consideráveis para comprovação, por isso ainda são aguardados os novos elementos oferecidos pelo casal de marqueteiros.


Publicidade
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan

press to zoom

press to zoom

press to zoom
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan

press to zoom
1/3