• Carlos Guglielmeli

PF prende ex-governadores do DF e R$ 26 Milhões são bloqueados


A operação Panatenaico, nome de um estádio grego localizado em Atenas, da Polícia Federal deflagrada nesta terça-feira, 23/05, prendeu os ex-governadores do Distrito Federal José Roberto Arruda, Agnelo Queiroz e seu vice Tadeu Filippelli.

A operação apura irregularidades na reforma da Arena Mané Garrincha, a mais cara das arenas da Copa do Mundo de 2014.

As investigações apontam que no governo Arruda houveram fraudes na licitação que escolheu as construtoras Andrade Gutierrez e Via engenharia, que por sua vez superfaturaram os valores das obras do Mané Garrincha e dessa diferença ilegal pagaram pelo apoio do governador.

Contra Agnelo e seu vice, Tadeu Filippelli, a policia apurou que o governador petista retirou entraves do caminho das construtoras para também receber parte desse superfaturamento.

Um dos obstáculos das construtoras foi retirado pelo ex-governador petista com a mudança da finalidade da Terracap, para que ela tocasse a obra. Isso gerou um prejuízo de R$ 1,3 Bilhões à estatal.

Além de determinar a prisão dos ex-governadores, do ex vice e de dirigentes das construtoras, o Juiz Federal Vallisney de Souza Oliveira, da 10ª Vara Federal do DF bloqueou 26 milhões dos políticos.

Filippelli que exercia a função de assessor do presidente Temer, foi exonerado esta manhã.


Publicidade

1/2
Mortos X Curados.png
Precisa explicar?
Curta nossa Fampage.png