• Carlos Guglielmeli / Foto: Reprodução

Moro condena Palocci a 12 anos de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro


Moro condena Palocci a 12 anos de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro

Essa é a primeira condenação de Palocci. A sentença de 12 anos, dois meses e vinte dias de prisão foi dada pelo juiz federal Sérgio Moro nesta segunda-feira, 26/06.

Denunciado pelo MPF (Ministério Público Federal), acusado de participação em um esquema de corrupção para favorecer e receber contrapartidas ilícitas da empreiteira Odebrecht, Palocci está preso desde setembro de 2016.

Antônio Palocci foi Ministro da Fazenda no governo Lula e da Casa Civil no governo Dilma. Segundo o que apontou o juiz Sergio Moro, ele teria atuado, neste inquérito, para fraudar as eleições municipais de 2008 e presidenciais de 2010, que elegeu Dilma pela primeira vez.

Além da pena de reclusão, Palocci foi condenado a pagar multas que atingem R$ 1,02 Milhão, dos quais R$ 466 Mil são referentes ao crime de corrupção e R$ 559,8 Mil se referem à lavagem de dinheiro.

O ex-ministro de Lula e Dilma ainda é réu em um outro processo no âmbito da Lava Jato, neste caso o que se apura são oito contratos entre a Petrobras e a Odebrecht que podem ter gerado desvios de R$ 75 Milhões.

Cerca de R$ 12,4 Milhões desse dinheiro teria sido usada para comprar um terreno para construir a nova sede do Instituto Lula e outra parte também seria para beneficiar o ex-presidente com a compra a cobertura vizinha de onde ele mora.

Ainda não há data marcada para o julgamento desse outro processo contra Palocci e há notícias de que o ex-ministro esteja negociando um acordo de delação premiada.


Publicidade
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan

press to zoom

press to zoom

press to zoom
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan

press to zoom
1/3