• Carlos Guglielmeli / Fotos: Linice Moreira

Em Valparaíso, Leda Borges e Zé Eliton apresentam o Programa de Investimento na área social


Lançado no último dia 19 de outubro, o programa de investimento Goiás na Frente, em sua versão social, foi apresentado à região do entorno em Valparaíso.

Nesta quarta-feira, 25/10, pessoas ligadas ao 3º setor, formado por entidades sociais sem fins lucrativos, vindos do próprio Valparaíso, de Cidade Ocidental, Novo Gama, Luziânia, Cristalina, Águas Lindas e outras cidades foram apresentados ao que chamaram de “mais ousado e inovador modelo de investimento social já visto no Brasil”.

Representante do entorno no primeiro escalão do governo estadual, a Deputada licenciada e Secretária Cidadã Leda Borges, responsável por grande parte dos programas sociais goianos, destacou o tamanho desse investimento. “O Renda Cidadã passa de 70 Mil, para 100 Mil famílias atendidas (mais de 42% de aumento) e o benefício vai subir de R$ 80,00 para R$ 100,00 (aumento de 25%), o Jovem Cidadão que em 2014 não tinha nenhum valparaisense inscrito e hoje tem 100, vai passar a atender 5.000 jovens em todo o estado (aumento de mais de 25%), para fazer isso tudo é preciso muita vontade política de atender os mais necessitados e capacidade administrativa para viabilizar essa vontade”.

Anfitrião, o Prefeito Pábio Mossoró pontuou a importância para a região do entorno em ter uma representante no governo estadual como Leda Borges, que vem imprimindo celeridade e qualidade nas políticas de estado. Outro destaque do prefeito foi a disposição de Zé Eliton e Marconi Perillo em firmar parcerias com os municípios, parcerias essas que fomentam o desenvolvimento, a melhoria na qualidade de vida dos goianos.

O Governador em exercício Zé Eliton, que tem tomado a frente desses programas de investimentos lançados por Marconi Perillo, ressaltou a meta do governo em “atender 100%, todas as famílias goianas em estado de vulnerabilidade social” e completou “O nosso governo está inovando novamente, enquanto outros estados (que não foram gerenciados como o Goiás) lutam para sobreviver, nós estamos lançando os maiores programas de investimentos em infraestrutura e segurança social em execução no Brasil”

Uma característica do Programa Goiás na Gente 3º Setor Social é, segundo o Governador Marconi Perillo, o fortalecimento das Organizações não Governamentais sem fins lucrativos, que vão aplicar parte dos investimentos, “Nós temos mais de 500 entidades que recebem o pão e o leite, além da isenção das tarifas de água e energia elétrica. Todas as entidades são convidadas a entrar no programa Goiás na Frente Social, da mesma forma que não escolhemos os prefeitos para beneficiá-los com o Goiás na Frente. O vice-governador, à frente, ouviu, antes, as entidades sociais que serão atendidas, fazendo deste, agora, o maior programa social do Brasil”, disse ele.


Publicidade

1/2
Mortos X Curados.png
Precisa explicar?
Curta nossa Fampage.png