• Carlos Guglielmeli

Bolsonaro pretende dar “carta Branca” para policiais matarem em serviço


A declaração foi dada na manhã desta quinta-feira, 14/12, quando o deputado Jair Bolsonaro desembarcou em Manaus, onde vai receber homenagens de alunos da rede pública de ensino e dará uma palestra sobre as “potencialidades da Amazônia”.

Nós vamos brigar pelo excludente de ilicitude. O policial em ação responde, mas não tem punição. Se alguém disser que eu quero dar carta branca para o policial militar matar, eu respondo: quero sim. O policial que não atira em ninguém enquanto atiram nele, não é policial. Temos obrigação de dar retaguarda jurídica a esses bravos homens que defendem nossas vidas e patrimônios”, disse o deputado.

Bolsonaro declarou que vai lutar pelo “excludente de ilicitude” para os policiais em serviço. Sem dar detalhes, o deputado informou que a proposta é que o policial responda por eventuais danos que provoque ao usar sua arma, mas sem punição.


Publicidade

1/3
Bolsonaro_oferece_cloroquina_à_uma_Ema_
Precisa explicar?
Curta nossa Fampage.png