• Carlos Guglielmeli

A polêmica da distribuição de bonecos “sexuados” não é de Valparaíso


Uma grande polêmica se formou em torno da distribuição de brinquedos às crianças menos favorecidas do estado, feita pelo governo de Goiás por meio da OVG (Organização dos voluntários de Goiás) e em parcerias com as prefeituras municipais.

Bonecos(as) com seus órgãos genitais definidos, um furo na parte inferior do tronco que sugere representar o orifício anal e todas as cabeças, pintadas iguais (olhos e bocas) foram associados à questões de ideologia de gênero.

Em Valparaíso os tais bonecos não foram distribuídos. O Vereador Ferreira, tendo conhecimento das características dos presentes, segundo ele inadequados para as crianças, enviou o ofício 042 ao prefeito solicitando a retenção e posterior destruição dos brinquedos, o que foi prontamente atendido pela secretária de educação municipal, Prof. Rudilene Nobre, responsável pela distribuição.

Desavisados, a oposição ao governo Mossoró e adversários da deputada valparaisense Leda Borges, representante da região no governo estadual, tentaram tirar proveito da polêmica, que não era política, mas a exemplo do vereador Elvis Santos que numa noite esbravejou contra o prefeito e a deputada nas redes sociais e no dia seguinte teve que se retratar, pedindo desculpas públicas, foram pegos de surpresa com o fato de que essa polêmica não é de Valparaíso, os tais bonecos(as) não foram distribuídos na cidade.

Na mesma seção, realizada na sexta-feira, 15/12, em que Elvis reconheceu a falta de fundamentos em suas críticas, o líder do governo no parlamento, vereador Zeca, comentou a desproporcionalidade da polêmica com a alegria das crianças que além dos bonecos considerados inadequados, tiveram a sua disposição outros dois tipos de bonecas e mais 5 tipos de brinquedos.

A OVG não quis fomentar a discussão que “esquentou” nas redes sociais, se limitou a dar uma coletiva de imprensa onde o diretor geral da entidade, Major Augusto, disse que “desde 1999 o Show de Natal (como é chamado o programa distribuição dos brinquedos) tem a intenção de levar alegria às crianças, reforçar os vínculos familiares, e estimular o espirito natalino de fraternidade” e completou relembrando que em 2016 foram distribuídos os mesmos brinquedos, sem que essa polêmica se formasse.



Publicidade

1/2
Mortos X Curados.png
Precisa explicar?
Curta nossa Fampage.png