• Carlos Guglielmeli

Embaixador brasileiro tem 72 horas para sair da Venezuela


A Venezuela declarou o embaixador brasileiro naquele país, Ruy Pereira, como “persona non grata”. O anúncio foi feito neste sábado, 23/12, pela presidente governista da Assembleia Constituinte, Delcy Rodríguez, “No âmbito da competência da Assembleia Constituinte, decidimos declarar persona non grata o embaixador do Brasil até que se restitua o fio constitucional que o governo de fato violou neste país irmão”, disse ela em alusão ao governo Temer.

Ligados pela ideologia de esquerda, a ditadura Chavista, hoje conduzida por Nicolás Maduro, não reconhece a destituição da petista Dilma Russeff.

Em nota o Itamaraty diz “O governo Brasileiro tomou conhecimento da declaração da constituinte venezuelana de que o governo deste país teria decidido declarar o embaixador do Brasil em Caracas ‘persona non grata’. Caso confirmada, essa decisão demonstra, uma vez mais, o caráter autoritário da administração Nicolás Maduro e sua falta de disposição para qualquer tipo de diálogo. O Brasil aplicará as medidas de reciprocidade correspondentes”.

Na prática, essa declaração significa que o embaixador tem o prazo de 24 à 72 horas para deixar a Venezuela, porém Ruy Pereira já está no Brasil para passar as festas de fim de ano com a família, portanto está impedido de voltar ao país vizinho.


Publicidade

1/2
Mortos X Curados.png
Precisa explicar?
Curta nossa Fampage.png