• Carlos Guglielmeli

Laudo do IML diz que Maluf pode continuar preso


"Mesmo que com doença grave e permanente, o deputado federal Paulo Maluf pode continuar preso, desde que com acompanhamento ambulatorial especializado", é o que atestou o IML em perícia feita no paciente.

A perícia foi determinada pela VEP-DF (Vara de Execuções Penais do Distrito Federal) a pedido da defesa do político, na tentativa de reverter sua pena para prisão domiciliar.

Maluf está “Lúcido, orientado no tempo e espaço, tem discurso coerente, memória preservada e boa cognição. Além disso encontra-se em bom estado geral, com respiração normal, corado, hidratado e afebril ao tato” disse o laudo.

Com esse estado clínico e a negativa do pedido de revogação da prisão feito pela defesa e indeferido pala presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), ministra Carmen Lúcia, está provável que Maluf permaneça na Papuda.


Publicidade
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan

Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan

1/3