• Carlos Guglielmeli

Prefeitura de Valparaíso inicia ações emergenciais no Setor de Chácaras Anhanguera


Prefeitura de Valparaíso inicia ações emergenciais no Setor de Chácaras Anhanguera

Denso, nascido sem rede de captação de águas pluviais e em uma posição geográfica desfavorável para essas condições, o Setor de Chácaras Anhanguera é uma das regiões valparaisenses mais castigadas pelas chuvas.

Em visita ao bairro, onde conversou com a população no sábado, 17/02, o prefeito Pábio Mossoró se comprometeu a iniciar intervenções emergências de desobstrução e melhoramento das condições de tráfego no local.

O Setor de Chácaras Anhanguera tem pendente no Ministério das Cidades um projeto iniciado no final de 2012, quando a deputada Leda Borges ainda era prefeita da cidade, o conhecido “PAC Anhanguera” de R$ 116 Milhões em investimentos federais que podem solucionar, se não todos, boa parte dos problemas do bairro.

"A espera desse dinheiro, de maneira passiva e sem o esforço necessário para que o projeto acontecesse de fato, a ex-prefeita Lucimar (PT) falhou durante seu mandato na manutenção do bairro, deixando a situação ainda mais crítica. Ela não pôs as diferenças políticas entre PT e PSDB de lado, por isso não conseguiu dialogar com o governo estadual para dar andamento nas contrapartidas previstas no PAC e exigidas pelo ministério", disse um integrante da gestão municipal passada que não quer ser identificado.

Segundo o secretário de Desenvolvimento Urbano e Infraestrutura do governo Pábio Mossoró, Antônio Reis, “desde que assumiram a administração da cidade em 2017 houve um grande esforço do prefeito e da deputada Leda Borges, que conseguiram envolver inclusive o Governador Marconi Perillo, para reavivar o projeto que estava se perdendo. Eles conseguiram reativa-lo e agora trabalham para que o dinheiro saia e as obras sejam feitas”.

As necessidades do Setor de Chácaras Anhanguera são muito grandes, o orçamento municipal não comporta obras desse tamanho, por isso precisamos desse PAC”, completou o secretário.

Sobre as intervenções emergenciais prometidas pelo prefeito, equipes da Secretaria de Infraestrutura já desobstruíram a Avenida São Paulo e algumas vias de acesso nesta segunda-feira, 19/02, e devem continuar trabalhando no bairro enquanto for necessário.

Antônio Reis destaca também que “as medidas adotadas são emergenciais e as chuvas ainda podem causar danos no que está sendo feito, mas se isso acontecer as equipes vão voltar e agir até que seja possível fazer um trabalho definitivo”.


Publicidade
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan

press to zoom

press to zoom

press to zoom
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan

press to zoom
1/3