• Carlos Guglielmeli

Pneu furado de Bottas dá vitória a Hamilton no Azerbaijão


A primeira volta já deu uma palhinha do que seria a corrida de F1 no Azerbaijão realizada neste domingo, 29/04.

Alternando grandes restas largas, onde os carros chegam a 320Km/h e trechos de baixa, com curvas fechadas e muros no limite mínimo da pista as zebras são sempre uma possibilidade e as batidas inevitáveis no Grande Prêmio do Azerbaijão.

Já na primeira volta Esteban Ocon da Force India forçou para cima de Kimi Raikkonen da Ferrari e se tocaram, ao mesmo tempo que o novato, Sergey Sirotkin batia da Willians batia em Fernando Alonso da Maclaren.

Na 11ª volta, Niko Hukemberg da Renault perdeu a traseira do carro e encontrou o muro e na 40ª volta Daniel Ricciardo da Red Bull “atropelou” nada mais nada menos que seu próprio companheiro de equipe, Max Verstappen. Os dois já haviam se encontrado duas vezes na pista trocando de posições de maneira duríssima.

A batida dos companheiros fez o Safety Car entrar na pista para garantir segurança na retirada de detritos e quando estava prestes a voltar para os boxes aconteceu o episódio mais bizarro da corrida, Romain Grosjean da equipe Haas encontrou o muro sozinho, num erro grotesco.

Tudo caminhava para a vitória de Bottas, seguido por Vettel e Hamilton, porém na relargada, faltando apenas 4 voltas para o final, o ferrarista arriscou tudo pela vitória e acabou errando ficando apenas com a 6ª posição. Começava ai a aparecer a extrema sorte de Lewis que em seguida viu seu companheiro abandonar a prova com um pneu furado em detritos do carro de Grosjean.

Veja como ficou a ordem de chegada:

1º Lewis Hamilton (ING/Mercedes): 1h43min44s291

2º Kimi Raikkonen (FIN/Ferrari): +2.460s

3º Sergio Perez (MEX/Force India): + 4.024s

4º Sebastian Vettel (ALE/Ferrari): + 5.329s

5º Carlos Sainz (ESP/Renault): + 7.515s

6º Charles Leclerc (MON/Sauber): + 9.158s

7º Fernando Alonso (ESP/McLaren): + 10.931s

8º Lance Stroll (CAN/Williams): + 12.546s

9º Stoffel Vandoorne (BEL/McLaren): + 14.152s

10º Brendon Hartley (NZL/Toro Rosso): +18.030s

11º: Marcus Ericsson (SUE/Sauber): + 18.512s

12º: Pierre Gasly (FRA/Toro Rosso): + 24.720s

13º Kevin Magnussen (DIN/Haas): + 40.663s

Não completaram:

Valtteri Bottas (FIN/Mercedes)

Romain Grosjean (FRA/Haas)

Daniel Ricciardo (AUS/Red Bull)

Max Verstappen (HOL/Red Bull)

Nico Hulkenberg (ALE/Renault)

Esteban Ocon (FRA/Force India)

Sergey Sirotkin (RUS/Williams)


Publicidade

1/2
Mortos X Curados.png
Precisa explicar?
Curta nossa Fampage.png