• Carlos Guglielmeli

Sargento da PM Goiás é preso em Novo Gama suspeito de roubo a banco


Um sargento da Polícia Militar e um outro homem foram presos nesta quinta-feira, 10/05, suspeitos de participarem da explosão de três agências bancárias, dois em Valparaíso e o último em Novo Gama na noite anterior.

Segundo o secretário de segurança pública de Goiás, Irapuan Costa Júnior, o militar envolvido teria faltado o serviço no dia do último crime relacionado, alegando problema de saúde, o que já foi comprovado não ser verdade. “Para a vergonha nossa, um companheiro da PM foi preso em flagrante e pode estar envolvido (...) o trataremos sem nenhuma complacência” lamentou ele.

Logo após a explosão na madrugada de 10 para 11 de maio, equipes da ROTAM (Rondas Ostensivas Táticas Metropolitanas iniciaram as buscas e encontraram um suspeito de 30 anos em sua casa em Novo Gama, onde foram encontrados um fuzil, uma espingarda calibre 12 e uma pistola Glock 380 capaz de disparar rajadas de tiros.

Em depoimento, o homem preso identificou seus comparsas, o Sargento que também foi preso em casa e um terceiro elemento que acabou morto em confronto com os policiais numa chácara localizada em Valparaíso de Goiás.

O secretário de segurança do estado já descartou, em entrevista à TV Anhanguera, que os crimes ocorridos no entorno sul do Distrito Federal tenha relação com os ataques de Ipameri, porém determinou que a polícia militar ainda vai investigar se há a participação de outros criminosos e se eles cometeram outro crime ainda não confessado.


Publicidade

1/2
Mortos X Curados.png
Precisa explicar?
Curta nossa Fampage.png