• Carlos Guglielmeli

Hamilton vence GP da Espanha e abre 17 pontos sobre Vettel


Hamilton vence GP da Espanha e abre 17 pontos sobre Vettel

Lewis Hamilton largou na pole position e venceu tranquilamente o Grande Prêmio da Espanha 2018 de Fórmula 1. O inglês terminou com mais de 20 segundos de3 vantagem sobre seu companheiro de Mercedes, Valtteri Bottas.

Max Verstappen (Red Bull) terminou em 3º, à frente de Sebastian Vettel (Ferrari) e seu companheiro Daniel Ricciardo na 5ª posição. Kevin Magnussen, da Haas, terminou em 6º, uma volta atrás de Hamilton.

O GP da Espanha começou movimentado. Logo após a largada Romain Grosjean (Haas) escapou na 3ª curva, ao manter a aceleração na brita voltou para a pista numa manobra irresponsável e atingiu com violência Nico Hulkenberg (Renault) e Pierre Gasly (Toro Rosso).

Na frente, Hamilton abria grande vantagem para os rivais. Vettel, que fez uma ótima largada e ganhou a 2ª posição de Bottas na Curva 1, já andava seis segundos atrás do inglês na Volta 10.

Na Volta 18, a Ferrari antecipou a parada de Vettel já que Hamilton seguia abrindo vantagem. A estratégia da Ferrari mostrou-se errada no fim da corrida, já que o alemão precisou parar novamente na volta 43, voltando atrás de Bottas e Verstappen apenas na 4ª posição.

Kimi Raikkonen era 6º colocado quando teve problemas em sua Ferrari e abandonou na 26ª volta.

Na 41ª volta, quando Esteban Ocon teve problemas no motor Mercedes de sua Force India e parou entre as curvas 4 e 5, o Safety Car Virtual foi ativado e na relargada Verstappen atingiu a traseira da Williams de Sergey Sirotkin, danificando a asa dianteira de sua Red Bull. Apesar do dano aparente, o holandês manteve-se na pista e terminou em 3º.

Daniel Ricciardo teve um desempenho impressionante nas voltas finais do GP. Na quinta posição e mais de 20 segundos atrás de Vettel, ele cravou três recordes consecutivos do circuito espanhol, sendo o melhor deles 1:18.441s.

Apesar do novo erro de Grosjean, que custou pontos importantes para a Haas no campeonato, a equipe americana destacou-se no pelotão intermediário com Magnussen na 6ª posição.

Os compatriotas “donos da casa”, Carlos Sainz (Renault) e Fernando Alonso (McLaren), terminaram na 7ª e 8ª posições, respectivamente.

Com uma corrida monótona, sem muitas disputas entre os pilotos, nas voltas finais o destaque foi a briga pela nona posição. Sergio Perez (Force India) estava atrás de Charles Leclerc (Sauber), pressionando o estreante da Sauber. O jovem monegasco ainda conseguiu se defender algumas vezes antes, mas foi superado pelo mexicano. Perez e Leclerc terminaram em 9º e 10º lugar respectivamente.

A Fórmula 1 volta no final de semana do dia 27 de maio, com o Grande Prêmio de Mônaco.

(Clique na imagem para amplia-la)

Confira o resultado final do GP da Espanha, em Barcelona:

1) 44 Lewis Hamilton (ING/Mercedes) 2) 77 Valtteri Bottas (FIN/Mercedes) 3) 33 Max Verstappen (HOL/Red Bull-TAG Heuer) 4) 5 Sebastian Vettel (ALE/Ferrari) 5) 3 Daniel Ricciardo (AUS/Red Bull-TAG Heuer) 6) 20 Kevin Magnussen (DIN/Haas-Ferrari) 7) 55 Carlos Sainz (ESP/Renault) 8) 14 Fernando Alonso (ESP/McLaren-Renault) 9) 11 Sergio Pérez (MEX/Force India-Mercedes) 10) 16 Charles Leclerc (MON/Sauber-Ferrari) 11) 18 Lance Stroll (CAN/Williams-Mercedes) 12) 28 Brendon Hartley (NZL/Toro Rosso-Honda) 13) 9 Marcus Ericsson (SUE/Sauber-Ferrari) 14) 35 Sergey Sirotkin (RUS/Williams-Mercedes) Abandonou) 2 Stoffel Vandoorne (BEL/McLaren-Renault) Abandonou) 31 Esteban Ocon (FRA/Force India-Mercedes) Abandonou) 7 Kimi Räikkönen (FIN/Ferrari) Abandonou) 10 Pierre Gasly (FRA/Toro Rosso-Honda) Abandonou) 8 Romain Grosjean (FRA/Haas-Ferrari) Abandonou) 27 Nico Hülkenberg (ALE/Renault)


Publicidade
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan

press to zoom

press to zoom

press to zoom
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan

press to zoom
1/3