• Carlos Guglielmeli / Imagem: reprodução

Ex-governador de Minas Gerais se entrega à Polícia


Ex-governador de Minas Gerais se entrega à Polícia

Eduardo Azeredo ex-governador de Minas Gerais pelo PSDB se entregou à Polícia Civil do estado na tarde desta quarta-feira (23), por volta das 14h.

Segundo a assessoria do Gabinete da Polícia Civil, Azeredo se apresentou espontaneamente à 1ª Delegacia Sul de Belo Horizonte, após negociação entre sua defesa e a polícia. Ele estava acompanhado de advogados.

Na terça-feira (22), o Tribunal de Justiça de Minas Gerais negou o último recurso apresentado pela defesa do ex-governador e ex-senador mineiro e determinou sua prisão imediata.

O tucano foi condenado pela primeira vez em dezembro de 2015 pelos crimes de peculato e lavagem de dinheiro, quando foi sentenciado a 20 anos e 10 meses de prisão por participação no chamado mensalão tucano.

Assim como aconteceu no caso Lula, a defesa de Azeredo acordou uma “sala de Estado Maior” localizada em uma Academia do Corpo de Bombeiros para que ele cumpra sua pena.

Segundo a Seap (Secretaria de Administração Prisional) a sala, tem 27 metros quadrados, possui banheiro privativo com chuveiro quente, uma mesa de apoio e uma cama de solteiro e quanto a alimentação, o tucano vai receber as mesmas 5 refeições diárias oferecidas aos detentos em presídios.


Publicidade
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan

Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan

1/3