• Carlos Guglielmeli / Imagem: reprodução

Suposta funcionária fantasma de Bolsonaro é flagrada vendendo açaí em horário de expediente e é demi


O candidato à Presidência, deputado Jair Bolsonaro (PSL) demitiu nesta segunda-feira (13) a sua assessora desde 2003, Walderice Santos da Conceição, flagrada vendendo Açaí em uma lojinha que leva o seu nome, em pleno horário de expediente parlamentar.

Wal, como é conhecida, já havia sido abordada pelo Jornal Folha de São Paulo na mesma situação em janeiro deste ano, porém naquela época Bolsonaro alegou que ela estava de férias, o que foi comprovado.

Nas entrevistas feitas pela Folha, os moradores vizinhos da Wal na Vila Histórica de Mambucaba, a 50 Km de Angra dos Reis onde o deputado tem uma casa de veraneio, ela cuida dos cachorros e do imóvel de Bolsonaro, além de vender Açaí em sua loja.

Segundo o deputado, a assessora ligou pedindo demissão, mas que “seria muito complicado”, ele a demitiu para assumir a decisão e lamentou “eu fico chateado até, porque ela precisa, é uma pessoa pobre (...) tem dois cachorros lá e para não morrer, de vez em quando ela dá água pros cachorros lá, só isso. O crime dela é esse aí, é dar água pro cachorro”.

Analistas dizem que o ato de demitir Wal pode soar para os eleitores como uma confissão de culpa do candidato, porém, ele tina que tomar a atitude para tirar esse problema da frente.


Publicidade
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan

Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan

1/3