• Carlos Guglielmeli / Imagens: Reprodução

Vettel supera Hamilton na largada para vencer o GP da Bélgica e diminuir a diferença no Mundial de F


O piloto da Ferrari, Sebastian Vettel, brilhou na largada, ultrapassou o rival Lewis Hamilton e venceu o Grande Prêmio da Bélgica de F1 de ponta a ponta.

Com a vitória, o alemão diminuiu a vantagem para Hamilton, que era de 24 pontos, para 17 pontos no mundial 2018 de Fórmula 1.

Hamilton foi o segundo colocado, seguido pelo piloto da Red Bull, Max Verstappen que conseguiu seu primeiro pódio desde a vitória na Áustria.

Apesar da vitória de Vettel, nem tudo deu certo para a Ferrari, que viu Kimi Raikkonen abandonando no inicio da corrida em Spa. Na primeira curva, o finlandês foi atingido atrás por Daniel Ricciardo e teve um pneu furado e o aerofólio danificado. A equipe italiana trocou o pneu da Ferrari, mas poucas voltas depois de devolvê-lo à pista, o chamou de volta para o pit preocupada com a segurança do piloto.

Um grande e impressionante acidente marcou a largada do GP belga, causando o abandono imediato de três pilotos. Nico Hulkenberg perdeu a freada na curva 1, atingiu violentamente a traseira de Fernando Alonso, fazendo com que o espanhol voasse sobre o carro de Charles Leclerc, atingido o halo da Sauber C37 do monegasco.

Daniel Ricciardo também teve sua Red Bull danificada na primeira volta. Atingido na traseira, seu carro foi lançado contra o de Kimi, o que lhe custou danos no aerofólio e na asa dianteira. Ele teve que ir aos boxs algumas vezes até abandonar a corrida.

Valtteri Bottas, que começou a corrida na parte de trás do grid, consequência de uma penalidade de motor, conseguiu se recuperar e chegar na quarta posição. O finlandês foi protagonista de uma disputa emocionante com Sergio Perez (Racing Point Force India), que não conseguiu segurar o piloto da Mercedes.

O “novo time” do grid da F1, a Racing Point Force India, garantiu seus primeiros pontos no campeonato de construtores depois de chegar na quinta e sexta posição, com Perez à frente de seu companheiro, Esteban Ocon. Depois de garantir a segundo fila na qualificação do sábado, o carro não tinha ritmo para manter a Red Bull de Verstappen e a Mercedes de Bottas atrás.

A Haas também marcou pontos em Spa, com Romain Grosjean e Kevin Magnussen cruzando a linha de chegada em sétimo e oitavo, respectivamente. Pierre Gasly (Toro Rosso) terminou em nono com Marcus Ericsson completando os dez melhores com a Sauber.

(Clique nas imagens para amplia-las e leia as legendas)

Resultado Final - GP da Bélgica de F1 2018:

1) Sebastian Vettel (Ferrari) 2) Lewis Hamilton (Mercedes) 3) Max Verstappen (Red Bull/TAG Heuer) 4) Valtteri Bottas (Mercedes) 5) Sergio Pérez (Force India/Mercedes) 6) Esteban Ocon (Force India/Mercedes) 7) Romain Grosjean (Haas/Ferrari) 8) Kevin Magnussen (Haas/Ferrari) 9) Pierre Gasly (Toro Rosso/Honda) 10) Marcus Ericsson (Sauber/Ferrari) 11) Carlos Sainz (Renault) 12) Sergey Sirotkin (Williams/Mercedes) 13) Lance Stroll (Williams/Mercedes) 14) Brendon Hartley (Toro Rosso/Honda) 15) S.Vandoorne (McLaren/Renault) Abandonou) Daniel Ricciardo (Red Bull/TAG Heuer) Abandonou) Kimi Räikkönen (Ferrari) Abandonou) Charles Leclerc (Sauber/Ferrari) Abandonou) Fernando Alonso (McLaren/Renault) Abandonou) Nico Hülkenberg (Renault)


Publicidade
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan

press to zoom

press to zoom

press to zoom
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan

press to zoom
1/3