• Carlos Guglielmeli

Nova pesquisa IBOPE mostra que Bolsonaro lidera nas intenções de votos e na rejeição também


O IBOPE divulgou nesta quarta-feira (5) o resultado da primeira pesquisa eleitoral após a decisão do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) em barrar a candidatura do ex-presidente Lula. Nela Bolsonaro (PSL) lidera isolado com 22% das intenções de votos.

No segundo lugar estão empatados tecnicamente, Marina Silva (Rede), que caiu de 16 para 12%, Ciro Gomes (PDT) que subiu de 10 para 12% e Geraldo Alkmin (PSDB) com 9%, também variando na casa dos 2% positivamente.

Mais atrás aparecem, Fernando Haddad (PT) com 6%, Álvaro Dias (Podemos) e João Amoedo (Novo), ambos com 3%, Henrique Meirelles (MDB) com 2%, Guilherme Boulos (PSOL), Vera (PSTU) e João Goulart Filho (PPL), ambos com 1% e Cabo Daciolo (Patriota) e Eymael (DC) não atingiram 1%.

A Grande mudança no cenário político foi a queda no índice de votos brancos e nulos que chegavam a 28% e agora somam 21%.

Quando o eleitor é questionado em quem ele “não” votaria, Bolsonaro volta a liderar com também lidera com 44% de rejeição, seguido por Marina Silva com 26%, Haddad 23%, Alkinn 22%, Ciro Gomes 20% e Henrique Meirelles com 14%.

Essa rejeição indica a possibilidade, ou não, de crescimento dos candidato no primeiro turno e é decisiva no segundo turno, por isso, Bolsonaro continua perdendo para todos os adversário, menos para o petista Haddad, na faze final da eleição.

Veja como seria o segundo turno em suas diversas possibilidades, caso a eleição fosse hoje:

* A pesquisa foi feita entre os dias 1 e 3 de setembro e foi registrada na justiça eleitoral sob o protocolo BR-05003/2018


Publicidade
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan

press to zoom

press to zoom

press to zoom
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan

press to zoom
1/3