• Carlos Guglielmeli / Imagem: reprodução

Senador novato, Davi Alcolumbre, desbanca Renan Calheiros e é eleito Presidente do Senado Federal


A sessão para escolher quem ocupará a presidência do Senado pelos próximos dois anos se iniciou na tarde de sexta (1), mas foi suspensa e adiada para este sábado (2), devido ao impasse sobre o voto secreto ou aberto.

Com pouco mais cerca de 9 horas de sessão, Davi Alcolumbre (DEM-AP) foi eleito com 42 dos 77 votos.

Aos 41 anos e em seu primeiro mandato como Senador da República, o parlamentar exibiu a habilidade das “velhas raposas” da política nacional. Na sexta-feira conseguiu se manter na presidência interina da casa e aprovou o voto aberto, que teoricamente prejudicaria Renan Calheiros (MDB-AL). No dia seguinte consolidou-se definitivamente como antagonista do emedebista.

A segunda cartada de mestre de Alcolumbre, decisiva para a sua vitória, foi justamente potencializar essa polarização entre ele e Calheiros.

Para não correr o risco de serem presididos pelo multi-processado do MDB e nadar contra a pressão popular os também candidatos, Major Olímpio (PSL-SP), Simone Tebet (MDB-MS) e Álvaro Dias (Podemos-PR) desistiram da disputa em favor do Democrata.

Na primeira tentativa de votação, um erro, foram depositados 82 votos na urna, sendo que só há 81 senadores. O estopim para mais debate acirrado, mas mesmo que aquela apuração tenha sido cancelada, serviu para revelar a provável vitória de Davi.

Apesar de uma liminar concedida pelo presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), ministro Dias Toffoli, determinando a votação secreta, boa parte dos senadores declararam seus votos em Davi e alguns poucos em Esperidião Amin (PP-SC), por isso, percebendo a derrota eminente, na segunda tentativa de eleição, Renan Calheiros desistiu de concorrer.

Confira o resultado da eleição:

Davi Alcolumbre (DEM-AP): 42 votos

Esperidião Amin (PP-SC): 13 votos

Ângelo Coronel: (PSD-BA): 8 Votos

Reguffe (sem partido): 6 votos

Renan Calheiros (MDB-AL): 5 Votos

Fernando Collor (PROS-AL): 3

Quatro senadores não votaram, Jader Barbalho, Renan Calheiros e Eduardo Braga, ambos do MDB e Maria do Carmo do DEM

#SenadoFederal #DaviAlcolumbre #RenanCalheiros #PresidentedoSenado #EleiçãoParaPresidentedoSenado #Valparaíso #ValparaísodeGoiás #NotíciasdoValparaíso #SitedeNotíciasdoEntorno #SitedenotíciasdoValapraíso #NotíciasdoEntorno #JornalOpçãodoEntorno #OpçãodoEntorno #EntornoSul

Publicidade
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan

press to zoom

press to zoom

press to zoom
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan

press to zoom
1/3