• Carlos Guglielmeli

Dengue, da suspeita ao diagnóstico, como tudo acontece em Valparaíso de Goiás


O Jornal Opção do Entorno acompanhou nesta terça-feira (14) todo o caminho de uma pessoa com sintomas de dengue, desde a suspeita até o diagnóstico.

A narrativa de como foi o dia do paciente traz alguns personagens com seus nomes verdadeiros e outros fictícios, dependendo da autorização ou não de cada ator.

Cedo o adolescente "Antônio" (nome fictício) foi com a genitora e a tia fazer um exame de sangue não relacionado à Dengue, pois o jovem tinha passado a semana anterior febril e tossindo muito, no local ambas notaram manchas vermelhas nas mãos dele, semelhantes às que teve o seu irmão quando foi diagnosticado a quatro anos atrás com a versão hemorrágica da doença.

Imediatamente, por volta das 10h40, os pais do garoto foram à UBS (Unidade Básica de Saúde) próximo a sua residência no bairro Esplanada I. Lá a pessoa que os atendeu pediu para que eles voltassem às 13h e fizessem o teste rápido com a enfermeira Eliane.

Ao retornar no horário marcado, o paciente foi atendido pela enfermeira, que observando as manchas em seu corpo, achou mais prudente encaminha-lo ao Hospital do Céu Azul, para que ele fizesse o exame de sangue e de urina. Assim fizeram.

Cegando no HMV (Hospital Municipal de Valparaíso), pai, tio e filho se dirigiram ao laboratório que estava lotado de pessoas esperando resultado. Impressionantemente um local silencioso, muito limpo e organizado, incluindo a área de espera. “Antônio” foi chamado para colher material na mesma hora, eram 14h15.

No momento a moça da recepção informou que o resultado sairia em mais ou menos duas horas a duas horas e meia, o que impediria de voltarem a tempo com os dados para uma consulta na UBS, por isso ela indicou que pai e tio fossem para a emergência fazer a ficha e a triagem do garoto e que ele fosse diagnosticado lá mesmo.

Um susto, na emergência uma multidão de pessoas estava à espera de atendimento, mas entre preenchimento de ficha e triagem foram cerca de 40 minutos. Faltavam 5 minutos para as 15h e “Antônio” tinha mais de 60 pessoas à sua frente.

Durante a espera o Jornal Opção do Entorno conversou com algumas pessoas, boa parte vindas de fora de Valparaíso. Elas eram em sua maioria do Gama, Recanto das Emas, Riacho Fundo, Plano Piloto, uma de Ceilândia, Novo Gama e alguns poucos valparaisenses.

A Sra. Marialba que acompanhava uma sobrinha disse que “é mais rápido vir da Ceilâncdia e ser atenda aqui. Lá eu iria chegar em casa bem mais tarde e se brincar sem ser atendida”. Elas estavam no Hospital desde as 10h30, segundo o relato.

Por volta das 17h30 “Antônio” foi chamado ao Consultório 1 e sendo atendido por um dos três médicos de plantão, para alívio dos pais, aparentemente não era Dengue Hemorrágica. A confirmação 100% o diagnóstico vem com o acompanhamento do nível de suas plaquetas por mais dois dias.

O médico “Eduardo” (nome fictício) disse à redação que o movimento naquele hospital tem sido assim todos os dias, “no DF eles não atendem, estamos em um período normal do crescimento das suspeitas de Dengue e outras viroses, em média de cada 4 pacientes, apenas um é daqui. Hoje estamos três médicos atendendo aqui, achoo que estamos conseguindo”.

Não é como estar em casa assistindo a um filme, mas com tanta gente doente, com tanta coisa difícil por ai eu não posso nem reclamar, eu estou aqui desde as 11 da manhã e fui ali perguntar para a moça e ela disse que tem duas pessoas na minha frente ainda, já fiz o exame de sangue vou sair daqui até umas 16h, atendida, o que é mais importante” disse uma moradora do Setor de Chácaras Anhanguera.

#HospitaldoCéuAzul #HospitalMunicipaldoCéuAzul #HMV #SaúdeemValparaíso #UmdiadepacienteemValparaíso #PábioMossoró #PrefeitoPábioMossoró #GovernoPábioMossoró #ValparaísodeGoiás #Valparaíso #AlôValparaíso #NotíciasdoVal #NotíciasdeLuziânia #NotíciasdeCidadeOcidental #NotíciasdoValparaíso #SitedenotíciasdoValapraíso #NotíciasdeNovoGama #NotíciasdoEntorno #SitedeNotíciasdoEntorno #JornaldenotíciasdeValparaíso #JornaldeValparaíso #JornalOpçãodoEntorno #OpçãodoEntorno

Publicidade

1/3
Roleta Russa 2.png
Precisa explicar?