• Carlos Guglielmeli

Bolsonaro chama de hipocrisia as críticas à nomeação do seu filho como embaixador nos EUA


O presidente Jair Bolsonaro (PSL) voltou a defender, neste domingo (4), a indicação do seu filho, deputado Eduardo Bolsonaro (PSL), para o cargo de embaixador brasileiro nos Estados Unidos.

Durante a defesa, Bolsonaro chamou as críticas que classificam a indicação como nepotismo de "hipocrisia", mas admitiu que o Senado pode barrar a indicação de seu filho.

Sim, o Senado pode barrar sim. Mas imagine que no dia seguinte eu demita o [ministro de Relações Exteriores] Ernesto Araújo e coloque meu filho. Ele não vai ser embaixador, ele vai comandar 200 embaixadores e agregados mundo afora. Alguém vai tirar meu filho de lá? Hipocrisia de vocês”, respondeu o presidente.

Bolsonaro disse partir do princípio de que a indicação do filho eleito para o cargo não seria nepotismo. "Tem ministro com toda certeza que tem parente empregado, com DAS [função comissionada], e daí?", questionou ele que acrescentou, "Que mania de que tudo que é parente de político não presta. Tenho um filho que está para ir para os EUA e foi elogiado pelo presidente norte-americano Donald Trump. Vocês massacraram meu filho: fritador de hambúrguer".

#EduardoBolsonaro #EduardoBolsonaro #JairBolsonaro #JairBolsonaro

Publicidade
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan

press to zoom

press to zoom

press to zoom
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan

press to zoom
1/3