• Carlos Guglielmeli

Vettel vence o GP de Singapura em uma dobradinha da Ferrari


Sebastian Vettel conquistou sua primeira vitória da F1 2019 no GP de Singapura, após um jejum de mais de um ano, desde o Grande Prêmio da Bélgica de 2018, realizado no dia 26 de agosto.

Largando na pole position, Leclerc liderou as primeiras voltas, mas perdeu a posição para Vettel quando a Ferrari chamou o alemão, que estava em terceiro luga,r para seu pit-stop, se antecipando ao companheiro que, teoricamente, por estar na frente, teria o privilégio de trocar os pneus antes.

Após receber uma ordem para poupar seu motor a 15 voltas do final, a resposta de Leclerc para a Ferrari incluiu: “Eu só não acho justo, mas não farei nada estúpido”.

A Mercedes apostou em uma estratégia diferente para Hamilton, atrasando o seu pit, mas com pneus desgastados Lewis fez voltas lentas, o que lhe permitiu chegar apenas na 4ª posição, atrás da Red Bull de Max Verstappen.

Hamilton ainda tentou o ataque nas voltas finais da corrida em busca da última posição no pódio de Singapura, mas não conseguiu se aproximar o suficiente para atacar Verstappen e teve que se contentar com os 12 pontos.

Bottas terminou em quinto na segunda Mercedes, seguido pela Red Bull de Alexander Albon, que estreou em Singapura.

A McLaren foi a “melhor do resto” com o também estreante na Marina Bay Lando Norris recebendo a quadriculada na sétima posição. Seu companheiro de equipe Carlos Sainz teve um pneu furado logo após a largada e terminou em 12º.

Pierre Gasly foi o oitavo pela Toro Rosso e pressionou Norris nos estágios finais, apesar de não conseguir a ultrapassagem. Nico Hulkenberg foi o nono colocado à frente de Antonio Giovinazzi.

Três carros de segurança foram chamados durante a corrida, primeiro veio depois que Romain Grosjean e George Russell fizeram contato, deixando o piloto da Williams fora da corrida. Foi o primeiro abandono da equipe de Grove na temporada.

Sergio Perez teve um problema mecânico em sua Racing Point e parou no circuito, trazendo o segundo Safety Car. O último veio depois da colisão entre Daniil Kvyat e Kimi Raikkonen na Curva 1, deixando o finlandês de fora da corrida.

A Fórmula 1 retorna na próxima semana com o Grande Prêmio da Rússia 2019 de F1, 16ª etapa da temporada .

Confira o resultado final do Grande Prêmio de Singapura 2019 de F1:

1) Sebastian Vettel (Ferrari) 2) Charles Leclerc (Ferrari) 3) Max Verstappen (Red Bull/Honda) 4) Lewis Hamilton (Mercedes) 5) Valtteri Bottas (Mercedes) 6) Alexander Albon (Red Bull/Honda) 7) Lando Norris (McLaren/Renault) 8) Pierre Gasly (Toro Rosso/Honda) 9) Nico Hülkenberg (Renault) 10) A.Giovinazzi (Alfa Romeo/Ferrari) 11) Romain Grosjean (Haas/Ferrari) 12) Carlos Sainz Jr. (McLaren/Renault) 13) Lance Stroll (Racing Point/Mercedes) 14) Daniel Ricciardo (Renault) 15) Daniil Kvyat (Toro Rosso/Honda) 16) Robert Kubica (Williams/Mercedes) 17) Kevin Magnussen (Haas/Ferrari) Abandonou) Kimi Räikkönen (Alfa Romeo/Ferrari) Abandonou) Sergio Pérez (Racing Point/Mercedes) Abandonou) George Russell (Williams/Mercedes)


Publicidade

1/2
Mortos X Curados.png
Precisa explicar?
Curta nossa Fampage.png