• Carlos Guglielmeli

Deputada Lêda Borges "denuncia" a destruição dos programas sociais em Goiás


Os programas sociais foram destruídos em Goiás, com 76 mil famílias descobertas”, disse Lêda Borges ao discursar durante o 16º Encontro Regional do PSDB realizado na Alego (Assembleia Legislativa de Goiás) nesta quinta-feira (5).

Lêda Borges atribuiu o que chamou de “destruição dos programas sociais de Goiás” à falta de foco do governo Caiado em priorizar, cuidar dos goianos que mais precisam de cuidados.

Conforme a deputada, essa realidade era inversa nos governos anteriores, onde, inclusive, foi titular da Secretaria Cidadã, responsável pelas políticas sociais do governo Marconi Perillo durante 4 anos.

À época, sob a gestão Lêda Borges, o Renda Cidadã, por exemplo, passou de 70 mil para 100 mil famílias beneficiadas em todo o estado. Só em Valparaíso de Goiás esse programa atendia cerca de 1.000 famílias.

No mesmo tendência, o programa Jovem Cidadão, que visa capacitar adolescentes de 14 à 18 anos para o mercado de trabalho, com remuneração de meio salário mínimo mais transporte, sem perder o foco na formação acadêmica, passou de 3.624 para 4.624 jovens atendidos em Goiás. Em Valparaíso esse número subiu de zero para 150 beneficiários enquanto a parlamentar valparaisense comandava as políticas sociais no estado.

Hoje essas famílias estão sem assistência.

Declaradamente adepta ao estado necessário e contra o estado máximo da esquerda e o mínimo da ultra direita, Leda Borges disse que seu partido “tem capacidade de governar para as pessoas, para a sociedade”, e completou, “O PSDB tem um projeto de construção que é humano”.


Publicidade

1/2
Mortos X Curados.png
Precisa explicar?
Curta nossa Fampage.png