• Carlos Guglielmeli

Antiga Toro Roso, agora Alpha Tauri, passa nos testes de impacto e tem chassi homologado para a temp


Foto: Autosport

A Toro Roso, que a partir de 14 de fevereiro passa a se chamar Alpha Tauri teve seu chassi STR15 aprovado no teste de colisão da FIA (Federação Internacional de Automobilismo) realizado na sexta-feira (17).

O chassi ainda tem a nomenclatura da STR, mas já é o equipamento que a equipe rebatizada vai levar para o mundial 2020 de F1.

A troca de identidade de Toro Rosso para Alpha Tauri acontece com a apresentação do novo carro empurrado pelos motores Honda, o que acontece pouco antes da primeira etapa do mundial em Salzburgo, sede da Red Bull.

Há muita expectativa sobre o potencial da equipe que matem Daniil Kvyat e Pierre Gasly como sua dupla de pilotos principais em 2020.

Além da Alpha Tauri, somente a Haas, Ferrari e Racing Point, foram aprovadas no teste de impacto até o momento.


Publicidade
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan

press to zoom

press to zoom

press to zoom
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan

press to zoom
1/3