• Carlos Guglielmeli

Antiga Toro Roso, agora Alpha Tauri, passa nos testes de impacto e tem chassi homologado para a temp


Foto: Autosport

A Toro Roso, que a partir de 14 de fevereiro passa a se chamar Alpha Tauri teve seu chassi STR15 aprovado no teste de colisão da FIA (Federação Internacional de Automobilismo) realizado na sexta-feira (17).

O chassi ainda tem a nomenclatura da STR, mas já é o equipamento que a equipe rebatizada vai levar para o mundial 2020 de F1.

A troca de identidade de Toro Rosso para Alpha Tauri acontece com a apresentação do novo carro empurrado pelos motores Honda, o que acontece pouco antes da primeira etapa do mundial em Salzburgo, sede da Red Bull.

Há muita expectativa sobre o potencial da equipe que matem Daniil Kvyat e Pierre Gasly como sua dupla de pilotos principais em 2020.

Além da Alpha Tauri, somente a Haas, Ferrari e Racing Point, foram aprovadas no teste de impacto até o momento.


Publicidade

1/2
Mortos X Curados.png
Precisa explicar?
Curta nossa Fampage.png