• Carlos Guglielmeli

Aliados do governo Pábio e Zeli barram pedido de transparência na vacinação contra a Covid-19

Os vereadores aliados do prefeito Pábio Mossoró (MDB) e da vice, Dra. Zeli Fritsche (PDT), rejeitaram nesta quarta-feira (24) o requerimento 001/2021 apresentado pela vereadora Cláudia Aguiar (PSDB) solicitando a listagem das pessoas vacinadas contra a Covid-19 para evitar os "fura-filas".


Câmara Municipal de Valparaíso, 7ª sessão ordinária de 24 de fevereiro de 2021 / Foto: Câmara Municipal de Valparaíso

Cláudia Aguiar apresentou o requerimento originalmente na sessão do 02 de fevereiro e no mesmo dia, após polêmica levantada principalmente pelos vereadores Tião da Padaria (PSC) e Brandão (MDB) recebeu ima lista de vacinados com cerca de 900 nomes, por isso a vereadora retirou o seu pedido da pauta provisoriamente.


Vereadora Cláudia Aguiar (PSDB), autora do requerimento 001/2021 que pede buscava esclarecimentos sobre suspeitas a cerca da vacinação contra a Covid-19 em Valparaíso / Foto: Câmara Municipal de Valparaíso

Acabou que, segundo a vereadora, a lista entregue levantou ainda mais suspeitas sobre a desobediência ao cronograma de prioridades estabelecido pelo Plano Nacional de Imunização (PNI) e a possibilidade "fura-filas" em Valparaíso. Durante a conferência dos dados, a equipe de Cláudia Aguiar encontrou vários nomes repetidos até 7 vezes, fazendo a lista de imunizados cair para 221.


Mesmo diante das dúvidas geradas pelo sigilo inicial, de onde as vacinas estavam sendo aplicadas, quem as estava recebendo e por último essa diferença na lista apresentada pela Secretaria Municipal de Saúde, a base governista na Câmara saiu para o ataque contra a proposta da vereadora, que teoricamente seria lógica.


Os mais exaltados contra o pedido de informações, foram os vereadores Tião da Padaria e Brandão. O primeiro combatendo o requerimento com ironias e o segundo com uma defesa agressiva, sem elementos.


Votaram contra os esclarecimentos os vereadores Plácido Cunha e Jabá, ambos do Avante, Prof. Elenir, Maria do Monte e Brandão do MDB, Paulo Brito e Tião da Padaria, os dois do PSC, Portela do Podemos e Alceu do PL, além do Jorge Recife, filiado ao PDT. Walison Lacerda não apoiou sua colega do PSDB e se absteve, enquanto o Zequinha (PL) estava ausente.


Pela transparência na vacinação contra a Covid-19, deve começar a ser votada na Câmara, um projeto de lei da mesma vereadora, Cláudia Aguiar, que estabelece a obrigatoriedade de divulgação de determinados dados dos imunizados nos veículos oficiais de comunicação da prefeitura.

Veja o requerimento e o resultado da votação:

(Clique nas imagens para ampliá-las)


Mortos X Curados.png
Precisa explicar?
Curta nossa Fampage.png