• Carlos Guglielmeli

Bolsonaro diz que auxilio emergencial não é aposentadoria e que é melhor que nada


Fodo de Adriano Machado - Reuters / com edições da redação

O presidente Jair Bolsonaro disse, nesta sexta-feira (28) que o auxílio emergencial é um benefício provisório. Segundo ele, o valor de R$ 600 pagos mensalmente a informais pode ser pouco, mas é melhor que nada:


"Isso não é aposentadoria, é uma ajuda emergencial. Eu sei que é pouco para quem recebe, mas ajuda, pô, é melhor do que nada", disse Bolsonaro na saída do Palácio da Alvorada.


Na ocasião, sem revelar o novo valor, o presidente ratificou que as novas parcelas do Auxílio, que vão té dezembro deste ano, devem ser menores que as atuais e reclamou dos críticos que atacam essa redução.


"Você vê, nós colocamos auxílio emergencial (inicialmente) por três meses, tem cara que reclama que é pouco, agora, custa para todo mundo R$ 50 bilhões por mês. Prorrogamos para mais dois, R$ 250 bilhões. A gente prefere até o final do ano uma importância menor do que R$ 600. Tem cara já reclamando, é o tempo todo assim", reclamou o chefe do executivo nacional.


O auxílio emergencial é considerado o principal fator que fez o presidente atingir seu maior índice de popularidade desde o início do governo.

Publicidade

1/2
Mortos X Curados.png
Precisa explicar?
Curta nossa Fampage.png