• Carlos Guglielmeli

Bolsonaro diz que "Vacina não será obrigatória e ponto final"


Foto: Reuters

O presidente Jair Bolsonaro voltou a afirmar nesta segunda-feira (19) que uma possível vacina contra a covid-19 não será obrigatória.


"A lei é bem clara e quem define isso é o Ministério da Saúde. O meu ministro da Saúde já disse que não será obrigatória essa vacina e ponto final", disse para apoiadores nesta manhã na saída do Palácio da Alvorada.


Na última sexta-feira (16) Bolsonaro já havia sinalizado em suas redes sociais que o governo não iria obrigar a população a se vacinar. A declaração ocorreu no mesmo dia em que o governador João Dória de São Paulo disse que a imunização seria obrigatória no Estado.


Sem citar diretamente o governador paulista, Bolsonaro disse que tem "governador que está se intitulando o médico do Brasil".


"Outra coisa, tem um governador que está se intitulando o médico do Brasil dizendo que ela (vacina) será obrigatória, e não será", disse o presidente.


Publicidade
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan

press to zoom

press to zoom

press to zoom
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan

press to zoom
1/3