• Carlos Guglielmeli

Brasil tem 407 mortes por Covid-19 em 24 horas e ministro diz não saber se isso é uma tendência


Enterros de vítimas do coronavírus, realizados em valas comuns para 10 caixões

Nesta quinta-feira (23), o Ministério da Saúde registrou mais 407 mortes causadas pelo Covid-19 (novo coronavírus) nas últimas 24 horas, Recorde absoluto de óbitos em um dia, desta a primeira registrada no Brasil.


Com isso o país atinge a marca de 3.313 vítimas fatais da doença e ainda tem cerca de 1.200 mortes sob investigação.


"A gente teve um aumento nos óbitos que foi acima do que vinha acontecendo anteriormente. A gente não sabe se isso aí representa um esforço de fechar os diagnósticos ou se isso aí vai representar uma linha de tendência de aumento", disse o ministro Nelson Teich.


Segundo epidemiologistas, não seria necessário muito esforço para checar essa informação, bastava o ministro subtrair o número de diagnósticos gerais do dia pelo anterior.


As infecções confirmadas pela doença passaram de 45.757 na quarta-feira para 49.492 nesta quinta-feira e a taxa de letalidade do coronavírus no Brasil chega à 7,24%.

Publicidade
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan

press to zoom

press to zoom

press to zoom
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan
Institucional do Novo Gama Mar2021 Retan

press to zoom
1/3