• Carlos Guglielmeli

Caiado anuncia parcerias com prefeitos para fiscalizar comércios e não descarta novo fechamento


Imagem meramente ilustrativa de 2019

Em entrevista concedida ao O Popular na tarde desta terça-feira (05), o governador de Goiás, Ronaldo Caiado anunciou, entre outras coisas, que pretende firmar parcerias com os prefeitos para fiscalizar o cumprimento dos protocolos estipulados para a reabertura gradual da economia do estado.


Em 19 de abril Caiado decretou a flexibilização das medidas adotadas, até aquele momento, para a contenção do Covid-19 (novo coronavírus), na qual seguimentos da economia, paralisada a mais de 30 dias, foram autorizados a retomar as atividade adotando protocolos de prevenção contra a disseminação da doença.


"Houve um período para que todos se adequassem. Depois não terão direito de reclamar, caso venham a ocorrer multas ou cassação de autorização ou outorgas das empresas. Temos que sensibilizar os goianos e passar por esta pandemia, se Deus quiser, no mesmo percentual dos últimos 60 dias", disse o governador.


De lá para cá, o número de infecções pelo novo coronavírus em Goiás saltou de 393 para 922 e as mortes em decorrência da doença, de 18 para 38.


Questionado sobre essa evolução da doença no estado e a possibilidade de um Lockdown (fechamento geral), o governador descartou essa hipótese por hora, mas afirmou que pode voltar a adotar restrições mais duras:


"Vamos continuar com o monitoramento e, caso haja resistência em atender aos protocolos, podemos pensar em um decreto para retomar as regras anteriores", comentou Caiado.

Segundo o governador, as medidas estão sendo avaliadas "full time" e podem ser alteradas a qualquer momento.



Publicidade

1/2
Mortos X Curados.png
Precisa explicar?
Curta nossa Fampage.png