• Carlos Guglielmeli

Caiado considera vacinação contra a Covid-19 fundamental, antes de retomar as aulas


Foto: Reprodução de redes sociais

O governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), reforçou na quinta-feira (29), que o estado não pode retroceder em relação ao controle da pandemia do novo coronavírus.


Após o parecer do Centro de Operações de Emergências (COE) em Saúde Pública de Goiás, divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde, em que afirmam haver condições para um retorno às aulas presenciais no estado, Ronaldo Caiado assegurou que a retomada das atividades escolares goianas depende da imunização:


Qualquer retorno às aulas presenciais vai atender esse lado da imunização, que é fundamental para nós não termos a segunda onda da doença”, disse Caiado em Live transmitida em suas redes sociais.


O governador frisou que o retorno antecipado às aulas presenciais foi responsável, segundo artigos publicados pela imprensa internacional, por uma segunda onda de infecção pela Covid-19 em países da Europa, o que justificaria seu ponto de vista:


Diagnosticaram que a causa determinante foi muito mais o retorno antecipado, que aconteceu na França, Espanha, e hoje os países estão já sentindo o resultado com toque de recolher e recessões maiores”, argumentou ele.
Mortos X Curados.png
Precisa explicar?
Curta nossa Fampage.png