• Carlos Guglielmeli

Governo de Goiás busca experiência chinesa para enfrentar a pandemia de coronavírus


Foto: Diário de Goiás

Na busca de qualificação das equipes de saúde do estado, o governador Ronaldo Caiado anunciou que está buscando a cooperação do governo chinês na transferência de conhecimento sobre formas de enfrentamento ao Covid-19 (novo coronavírus).


Caiado conversou nesta terça-feira, dia 24, com o embaixador da China no Brasil, Yang Wanming, que colocou à disposição do Estado teleconferências com os médicos que estiveram à frente da luta contra o coronavírus em Wuhan, para que os profissionais daqui utilizem os procedimentos que possam ajudar a superar o mais rápido e da melhor forma possível a doença em pacientes com complicações.

Essa experiência não vem no livro. Temos que ter capacidade e sensibilidade, como médicos que somos, para poder avaliar qual é o momento, o que fazer, o que deu certo. Essa oferta foi muito importante, vou fazer chegar a toda a nossa estrutura da Secretaria de Saúde (SES) para que o nosso secretário Ismael [Alexandrino] possa também avançar nesse sentido, disse o chefe do executivo estadual.

Segundo Flúvia Amorim, superintendente de vigilância em saúde da Secretaria de Estado de Saúde de Goiás, o estado adotou medidas duras para enfrentamento da propagação do vírus, mas que nesse momento são necessárias para diluir a busca de pacientes em estado grave por serviços de saúde e as novas técnicas sejam aplicadas com eficiência:

Essa doença não tem vacina. Numa guerra a gente usa as armas que possui e que são eficazes. E é essa arma que estamos usando agora, que é o distanciamento e isolamento social. Cada um fica na sua casa, sem contato com outras pessoas”, afirmou a especialista.
Publicidade

1/3
Bolsonaro_oferece_cloroquina_à_uma_Ema_
Precisa explicar?
Curta nossa Fampage.png