• Carlos Guglielmeli

Heleno ameaça retaliação contra países que boicotarem Brasil por questões ambientais


Foto: Adriano Machado / Reuters

O ministro do Gabinete de Segurança Institucional, General Augusto Heleno, afirmou nesta terça-feira (22) que é cogitada pelo governo a possibilidade de retaliar países que boicotarem produtos brasileiros em função da situação ambiental no país.


"É uma medida que obviamente pode estar na mira do governo brasileiro", disse o ministro ao ser questionado sobre a possibilidade.


A afirmação de Heleno foi feita em entrevista à Rádio Bandeirantes, quando ele voltou a criticar a reação internacional aos dados relacionados ao meio ambiente e bateu na tecla da importância do agronômico brasileiro.


O ministro ponderou sobre a impossibilidade de 'castigar' alguns críticos por não terem relações relevantes com o Brasil, mas lembrou que, outros como a Alemanha sim, a medida faria efeito.


"Só que é o tal negócio. Você já comprou uma coisa finlandesa? Já comprou alguma coisa norueguesa, sueca? Não me lembro de ter na minha casa produtos. Alemã, muita coisa. Muita coisa", afirmou ele.

Augusto Heleno repetiu o discurso segundo o qual são utilizados dados falso e "exagerados" sobre a situação ambiental.


Dados oficiais do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), vinculado ao governo federal, mostram que o desmatamento da Amazônia brasileira saltou 34,5% nos 12 meses até julho, quando fecha o calendário de medição oficial do instituto.


Além disso, os levantamentos preliminares mostram que neste ano, no Pantanal, foram registrados 15.756 focos de incêndio até quarta-feira, um crescimento de 208% em relação ao mesmo período do ano passado. Na Amazônia são 67.290 focos, 12% a mais que em 2019, que já foi o pior ano desde 2010.

Publicidade

1/2
Mortos X Curados.png
Precisa explicar?
Curta nossa Fampage.png