• Carlos Guglielmeli

Lêda Borges amplia seu capital eleitoral em Valparaíso mesmo sem levar a prefeitura


Foto: Portal Alego

Os números da deputada estadual Lêda Borges (PSDB) indicam que, mesmo sem ter levado a prefeitura de Valparaíso de Goiás nas eleições recentes, seu capital político na realidade cresceu no município.


Em 2018, quando disputou a reeleição para manter a vaga na Assembleia Legislativa de Goiás, Lêda obteve 17.852 votos, em um cenário mais favorável, contando com todos os seus aliados e com o suposto apoio do prefeito da cidade.


Já em 2020, diante da ruptura e rivalidade do Prefeito Pábio Mossoró (MDB), que soube usar a máquina pública para dividir o grupo do qual fazia parte e se beneficiou, a peessedebista alcançou 20.559 votos.


Um crescimento de 15,16% em números absolutos, atingido mesmo sendo alvo de intensa campanha de ataques por meio de Fake News distribuídas pelos apoiadores do adversário, disputando contra o denunciado uso pesado da maquina pública e com uma quantidade de apoiadores reduzida.


Para alguns comentaristas políticos da região, a liderança de Lêda tende a crescer na adversidade, devido a sua conquista de seguidores mais baseada na afinidade e na convergência de ideias.


"Fora as obscuridades que contribuíram para o resultado dessas eleições, engana-se quem pensa que Lêda Borges perdeu força. É nessas horas que ela se torna mais forte. Já vimos isso antes", analisou o jornalista e radialista Hélio Porto, âncora de um programa matinal na Rádio Supra FM.
Publicidade

1/2
Mortos X Curados.png
Precisa explicar?
Curta nossa Fampage.png