• Carlos Guglielmeli

Lêda Borges propõe criação de casas de apoio para pacientes do SUS, atendidos fora de suas cidades


Foto: Reprodução

A deputada Lêda Borges (PSDB) propôs nesta quarta-feira (25), a criação do Programa “Casas de Passagem” em Goiás, para acolher pacientes do SUS (Sistema Único de Saúde), que necessitam buscar atendimento, tratamento ou exames na rede publica de saúde fora da cidade onde residem.


Conforme o texto, o acolhimento do paciente deverá ser feito mediante a comprovação da necessidade do tratamento, por meio da regulação, de atestado médico e informações sobre o procedimento a ser realizado no sistema público de saúde.


O programa tem como prioridade abrigar gratuitamente cidadãos goianos que realizam tratamentos médicos-hospitalares prolongados, disponíveis apenas em grandes centros.


A proposta visa trazer condições mínimas para que os pacientes goianos possam ter acesso aos tratamentos já oferecidos pelo SUS, mas que deixam de ser usufruídos ante as dificuldades em permanecer nas cidades nas quais estão sediados os hospitais de referência”, justificou Lêda Borges.


Na mesma Sessão, a parlamentar apresentou um outro projeto para a criação do Programa “Nenhum Estudante a Menos", que visa reduzir e até erradicar a evasão escolar no estado de Goiás.


Operacionalmente, o programa pretende atuar em regime de colaboração entre o Estado e os municípios goianos, onde alunos no limite de 30% de faltas devem ser localizados para que sua problemática seja identificada e tratada na medida das competências do poder público.

Publicidade

1/2
Mortos X Curados.png
Precisa explicar?
Curta nossa Fampage.png