• Carlos Guglielmeli

Mandetta confirma em rede social que foi demitido por Bolsonaro



Mesmo com o trabalho aprovado por 76% da população durante a crise do coravírus, de acordo com uma pesquisa do Instituto Datafolha, o ministro da saúde, Luiz Henrique Mandetta, foi demitido nesta quinta-feira (16) pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

A informação foi confirmada pelo próprio Mandeta em suas redes sociais:




O agora ex-ministro da saúde fazia parte do governo Bolsonaro desde sua instalação em janeiro de 2019 e se transformou em um incômodo para o presidente desde o início da Pandemia do coronavírus, com a defesa do isolamento social.

Contra essa medida, recomendada pela sociedade médico-científica como única ferramenta eficiente de enfrentamento ao Covid-19, Bolsonaro prega a liberação da circulação das pessoas para a manutenção da economia com um discurso que minimiza a doença.

O provável substituto de Mandetta é o médico oncologista Nelson Teich que atua em São Paulo e foi consultor informal da campanha presidencial de Bolsonaro.


Mandetta também usou a sua rede social para agradecer sua equipe:



Publicidade

1/2
Mortos X Curados.png
Precisa explicar?
Curta nossa Fampage.png