• Carlos Guglielmeli

Pábio Mossoró publica vídeo com sua versão sobre o rompimento com Lêda Borges

O ato tem potencial de acirrar a disputa pela prefeitura de Valparaíso nas eleições programadas apenas para outubro.



Na publicação do vídeo, feita neste sábado (8) em suas redes sociais, o prefeito Pábio Mossoró, hoje filiado ao MDB, contou um pouco de sua história política, onde menciona ter conhecido Lêda Borges (PSDB) no ano de 1996, quando ele era motorista da prefeitura e ela secretária de educação municipal.


Mais adiante Mossoró comenta seu ingresso na política a convite da deputada em 2008, ano em que foi eleito vereador pela primeira vez, já filiado ao PSDB. partido pelo qual ainda alcançou a reeleição como vereador em 2012 e sagrou-se prefeito em 2016, segundo o senso comum, com a ajuda decisiva de Lêda Borges.


Sobre o rompimento com a parlamentar, que era o foco da publicação, Pábio citou uma suposta tentativa de interferência em seu governo e que teria partido da deputada, via mensagem, a sugestão para que ele deixasse o PSDB.


Antes o prefeito havia alfinetou a antiga aliada ao dizer que ela teria enviado apenas R$ 500 mil em emendas parlamentares para a cidade, enquanto a destinação do deputado Célio Silveira chagaria a R$ 20 milhões.


A ação do prefeito foi vista entre os políticos da cidade como o início de uma nova estratégia do emedebista em busca da reeleição, num cenário de disputa polarizada com a própria Lêda Borges.

Publicidade

1/2
Mortos X Curados.png
Precisa explicar?
Curta nossa Fampage.png