• Carlos Guglielmeli

PF prende o goiano Alexandre Baldy, ex ministro e atual secretário de transporte em São Paulo


Foto: O otimista

A Policia Federal cumpriu na manhã desta quinta-feira (6), onze mandatos de busca e apreensão e seis de prisão no Rio de Janeiro, São Paulo, Goiás e Distrito Federal.


O deputado federal licenciado por Goiás, ex ministro das cidades no governo Michael Temer e atual secretário de Transportes Metropolitanos de São Paulo, Alexandre Baldy (PP), foi um dos alvos e está preso, suspeito de desvios na Saúde.


Além de Baldy, foram alvos empresários e agentes públicos suspeitos de fazer contratações irregulares para serviços públicos.


Os mandados da operação Dardanários estão sendo cumpridos nas cidades de Petrópolis (RJ), Goiânia, Brasília, São Paulo e São José do Rio Preto (SP).


A investigação é um desdobramento das operações Fatura Exposta, Calicute e SOS, que tiveram o ex-governador Sérgio Cabral, gestores de seu governo (2007 a 2014) e a OS Pró-Saúde como investigados.


Delatores indicam que negociaram R$ 500 mil com Alexandre Baldy para que ele intercedesse a favor da Pró-Saúde em relação aos pagamentos do contrato de gestão do Hospital de Urgência da Região Sudoeste (HURSO), em Goiânia (GO), que foi administrado pela entidade entre 2010 e 2017.


Cerca de R$ 110 mil em espécie foram apreendidos em endereços ligados a Baldy, R$ 90 mil em um apartamento de Brasília e R$ 110 em uma casa em Goiânia.



Publicidade

1/2
Mortos X Curados.png
Precisa explicar?
Curta nossa Fampage.png