• Carlos Guglielmeli

Testada no Brasil, resultados da vacina de Oxford contra a Covid-19 é comemorada pela OMS



O diretor de emergência da OMS (Organização Mundial da Saúde), Michael Ryan, comemorou nesta segunda-feira (20), os recentes resultados do estudo sobre vacina contra coronavírus do laboratório AstraZeneca, desenvolvido pela Universidade de Oxford e testada no Brasil.


A candidata à vacina da Universidade de Oxford se mostrou segura, sob o ponto de vista de efeitos colaterais, e produziu resposta imune nos ensaios clínicos iniciais, feitos com 1.000 voluntários saudáveis entre 18 e 55 anos, informaram cientistas da instituição.


Ryan também ponderou que ainda há etapas até a imunização chegar ao público, que após as candidatas à vacina passarem por todas as fases do sistema de aprovação, existirá um grande desafio para dar escala à produção e tornar o produto disponível ao público:


"Estes são os estudos da fase um, agora precisamos avançar para testes em larga escala no mundo real. Mas é bom ver mais produtos avançando até essa fase importante na descoberta da vacina", disse Ryan.


Publicidade

1/2
Mortos X Curados.png
Precisa explicar?
Curta nossa Fampage.png