• Carlos Guglielmeli

Vídeo - Contra disseminação do coronavírus, Caiado tenta dispersar manifestação pró Bolsonaro


Foto: reprodução de Redes Sociais

O governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), foi à manifestação realizada em favor do presidente neste domingo (15) e tentou dispersar as pessoas para prevenir contra a disseminação do coronavírus e acabou hostilizado.


Ao chegar no local, Caiado pegou o microfone e falou com a pessoas. Começou sendo aplaudido, quando disse que foi um dos políticos que mais lutou contra a esquerda no país e estava sendo ovacionado quando citou sua aliança com o presidente Jair Bolsonaro.


Mas tudo se transformou em vaia na hora em que o governador pediu prudência para as pessoas ali presentes, Caiado disse que as pessoas só poderiam em meio à aquela aglomeração se não estivessem observando o que está acontecendo no mundo, ele se referia à Pandemia de coronavírus.


O governador tentou pedir para que as pessoas fossem razoáveis e dispersassem do local para evitar que elas se transformasse portadoras em transmissoras do Covid-19.


Caiado chegou a mencionar um fato grave em meio à sua falar, o governador disse que já há em Goiás paciente com resultado positivo para coronavírus, o qual não se pode definir a origem do contágio.


Não deu certo, o governador goiano acabou tendo que voltar para o Palácio das Esmeraldas hostilizado.


Que se tenha notícias, Caiado é o único governador a tentar pessoalmente evitar as manifestações para prevenir contra o contágio do Covid-19.

Assista ao vídeo da discussão entre Caiado e os manifestantes abaixo:



Publicidade

1/2
Mortos X Curados.png
Precisa explicar?
Curta nossa Fampage.png