Italiano era mesmo Palocci e advogado do petista é convidado por Moro a prestar concurso para Juiz, caso queira tomar seu lugar

07/03/2017

Em audiência realizada nesta segunda (06/03), o executivo da Odebrecht, Fernando Sampaio Barbosa confirmou que o apelido “Italiano” encontrado nas planilhas de pagamentos de propinas da empreiteira era mesmo o ex-ministro de Lula e Dilma, Antônio Palocci.

 

Essa é a primeira vez que um delator confirma em juízo a titularidade do apelido de Palocci.

 

“A gente sabia que o Italiano era o Palocci. Eu sabia, tinha sido informado pelo Márcio Faria (outro executivo da Odebrecht)”, depôs ao juiz Sergio Moro.

 

Evidências levantadas até esse momento do inquérito dão conta de pagamentos indevidos de R$ 128 Milhões ao “Italiano” segundo o ministério público.

 

Na mesma audiência, Moro convidou o advogado José Roberto Botochio a fazer um concurso para juiz para que tivesse a autoridade de conduzir os trabalhos da audiência.

 

O advogado de Palocci pediu para que fossem desconsideradas as informações prestadas pelo depoente que tivesses origem em informações de terceiros, alegando que o mesmo deveria se ater a fatos, porém de indícios é que são propostas investigações e de indícios a Lava-Jato se transformou no maior processo jurídico nacional com 38 fazes.

Compartilhar
Twittar
Please reload

Publicidade

1/5
Últimas notícias

Lêda Borges está entre os três deputados estaduais que menos...

24/1/2020

1/20
Please reload

Matéria_do_Brasil_dividido_em_3.png
Siga
  • Facebook do Jornal Opção do Entorno
  • Twitter do Jornal Opção do Entorno
  • Instagram do Jornal Opção do Entorno