Resultado de pesquisa IBOPE enfraquece denúncia feita pelo PT contra Bolsonaro

 

Recentemente o PT (Partido dos Trabalhadores) denunciou o candidato à Presidência da República, Jair Bolsonaro (PSL), por supostamente ter se beneficiado com envios, pagos por empresários, de mensagens transmitidas em massa pelo aplicativo WhatsApp com conteúdos negativos a respeito do rival, Fernando Haddad (PT).

 

A denúncia foi feita com base em uma publicação da Folha de São Paulo, ainda sem nenhuma comprovação, mas segundo o Haddad, “essas mensagens mudaram o resultado do primeiro turno”.

 

O que é teoricamente desmentido pelo resultado da pesquisa feita pelo IBOPE entre os dias 21 e 22 de outubro.

 

Quando perguntados se os conteúdos recebidos pela internet ajudou ao eleitor a tomar sua decisão de voto no 1º turno, 75% dos entrevistados disseram que não, apenas 24% disseram que sim e 1% não soube ou não quis responder.

 

Sobre a autenticidade das publicações recebidas pelas redes sociais, 56% dos entrevistados disseram que checaram as informações, 43% admitiram que não e 1% não soube responder.

 

Uma das perguntas que se relacionam e invalidam a argumentação do PT na denúncia é se o eleitor recebeu ou não conteúdos negativos contra algum dos candidatos, 73% dos entrevistados disseram que não, apenas 25% disse que sim e 2% não soube ou não quis responder.

 

Agora, quando questionados sobre de qual candidato o eleitor recebeu publicações negativas, Bolsonaro e Haddad ficaram empatados com 18% das respostas, Ciro Gomes foi citado por 3%, Marina Silva por 2% e todos os outros candidatos ficaram com 1% cada.

 

O empate nesta última questão leva a crer que a presença dos dois candidatos nas redes sociais, neste tipo de publicações de ataque ao adversário, é igual, ambos seguem o mesmo caminho.

 

Segundo a comentarista política, Cristiana Lobo, “o PT se apegou à essa denúncia, se fez valer dela, mas agora vi ter que encontrar outro mote”.

 

A pesquisa feita pelo IBOPE, encomendada pela Rede Globo e o jornal “O Estadão” ouviu 3.010 eleitores e está registrada no TSE sob o protocolo BR-07272/2018.

Compartilhar
Twittar
Please reload

Publicidade

1/5
Últimas notícias

Deputada Lêda Borges "denuncia" a destruição dos p...

6/12/2019

1/20
Please reload

Matéria_do_Brasil_dividido_em_3.png
Siga
  • Facebook do Jornal Opção do Entorno
  • Twitter do Jornal Opção do Entorno
  • Instagram do Jornal Opção do Entorno