Bolsonaro anuncia preenchimento de todas as vagas do Mais Médicos

 

Em sua conta oficial do Twitter o presidente Jair Bolsonaro (PSL) anunciou na manhã desta quinta-feira (14) que todas as vagas do Programa Mais Médicos foram preenchidas.

 

O comunicado foi feito oficialmente pelo Ministério da Saúde no dia anterior, após a inscrição para a última vaga deixada pelos Cubanos que foram obrigados pela ditadura da ilha caribenha a deixar o Brasil.

 

Em quatro postagens enumeradas, o presidente apresentou a cronologia do problema enfrentado pela súbita retirada dos médicos estrangeiros do país.

 

Primeiro Bolsonaro relata o que originou a decisão de Cuba, a exigência que os ditadores revissem as políticas do acordo impostas aos médicos que ficavam com uma pequena parcela do valor pago pelo Brasil por eles. Cerca de 30% apenas.

 

Em seguida o presidente critica a reação da ditadura que, segundo ele, colocou em xeque o caráter humanitário do acordo firmado entre a ditadura castrista com o governo do PT. Bolsonaro ainda relembra a dificuldade de comunidades que ficaram sem atendimento.

 

As últimas vagas em aberto foram preenchidas com as inscrições feitas na quarta-feira (13), liberadas para brasileiros formados no exterior que fizeram o Revalida, uma espécie de prova de aptidão que teoricamente comprova a formação na área e que o governo ditatorial de Cuba proibiu que fosse feito por seus médicos.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Compartilhar
Twittar
Please reload

Publicidade

1/5
Últimas notícias

Autores de assassinato por ponto de tráfico de drogas são pr...

14/11/2019

1/20
Please reload

Matéria_do_Brasil_dividido_em_3.png
Siga
  • Facebook do Jornal Opção do Entorno
  • Twitter do Jornal Opção do Entorno
  • Instagram do Jornal Opção do Entorno