Em Valparaíso, gasolina sobe de preço antes do repasse de reajuste da Petrobras. No DF a prática está rendendo notificações do Procon

18/09/2019

 

Mesmo com a Petrobras segurando o aumento dos combustíveis nas refinarias, diante da crise do petróleo, os postos de Valparaíso aumentaram o preço da gasolina em cerca de 3,28% na bomba.

 

A crise foi provocada por um bombardeio ocorrido no sábado (14) que destruiu parte da maior refinaria de petróleo do planeta, localizada na Arábia Saudita e responsável por 5% da produção mundial. O que fez o preço do barril disparar.

 

Sem uma justificativa evidente, na segunda-feira (16) os postos de combustíveis da BR 040 já estavam com seus preços da gasolina reajustados de R$ 4,279 para R$ 4,419. Todos iguais.

 

No Distrito Federal o Procon (Instituto de Defesa do Consumidor) notificou nesta quarta-feira (18) todos os postos de combustíveis denunciados praticando o preço da gasolina acima dos R$ 4,22, que era o valor médio na região antes do incidente, segundo a ANP (Agência Nacional de Petróleo).

 

Os donos de postos notificados terão que justificar o aumento, caso contrário serão penalizados. Além disso o Procon / DF vai investigar a prática de cartel, devido a coincidência dos aumentos e dos valores, exatamente como aconteceu em Valparaíso.

 

No final do dia a Petrobras anunciou um aumento nos preços da Gasolina para a quinta-feira (19) de 3,5% e de 4,2% do Diesel. Agora não se sabe se os postos de combustíveis no município Goiano vão aplicar ainda mais essa porcentagem no preço já reajustado.

 

Em contato com o Procon do Distrito Federal, o órgão informou que é simples verificar a movimentação dos valores mesmo que não tenha havido um acompanhamento prévio, basta a entidade solicitar cópia de notas eletrônicas emitidas pelos estabelecimentos nas datas determinadas para que seja feita a comparação.

 

Durante o fechamento desta publicação, o Jornal Opção do Entorno tentou entrar em contato com o responsável pelo Procon em Valparaíso para saber quais seriam as medidas tomadas sobre o fato na cidade, porém não teve sucesso devido ao avançar da hora.

 

(Clique nas imagens para ampliá-las)

 

 

Compartilhar
Twittar
Please reload

Publicidade

1/5
Últimas notícias

Lêda Borges cobra obras de manutenção no restaurante cidadão...

5/12/2019

1/20
Please reload

Matéria_do_Brasil_dividido_em_3.png
Siga
  • Facebook do Jornal Opção do Entorno
  • Twitter do Jornal Opção do Entorno
  • Instagram do Jornal Opção do Entorno